Sustentabilidade: funcionários engajados, companhias lucrativas

Sustentabilidade: funcionários engajados, companhias lucrativas

Por Flávia Pini*

Uma pesquisa realizada pela UniEthos em 2012 indica que 69% dos empresários consideram a sustentabilidade como uma necessidade no planejamento estratégico em suas companhias. 90% dos entrevistados reconhecem a importância de investimentos futuros na área.

Os números reforçam a tendência do ambiente corporativo em gerar conscientização dos colaboradores para a adoção de práticas sustentáveis. Os gestores costumam focar na elaboração de relatórios que afetam diretamente o orçamento da companhia. No entanto, é preciso lembrar que o processo se inicia com orientação e medidas simples e eficazes, que resultam na diminuição de custos e, consequentemente, no aumento da margem de lucro.

Entre as táticas mais utilizadas estão treinamentos e cursos que mostram a importância do tema e garantem maior assimilação. Outras ferramentas envolvem palestras periódicas e até mesmo dinâmicas para incentivar condutas rotineiras, a exemplo da diminuição do consumo de papel nas impressões e o desligamento de computadores e outros equipamentos eletrônicos da tomada fora do horário do expediente.

Entre 1992 e 2012, a consciência ambiental quadruplicou no Brasil, de acordo com dados do Ministério do Meio Ambiente. Por meio da conscientização o colaborador percebe o importante papel social que representa, e pode inclusive disseminar o conhecimento adquirido no ambiente corporativo na comunidade em que vive engajando amigos e parentes à importância da sustentabilidade.

Além das inúmeras vantagens, um profissional consciente e disposto a implantar práticas sustentáveis na companhia ajuda ainda no aumento da margem de lucro, com a diminuição de gastos (como água e energia, por exemplo).

Contribui para a valorização da marca com o engajamento socioambiental e tem a certeza de que veste a camisa de uma corporação preocupada com o seu futuro e de todo o planeta.

*Flávia Pini, Diretora de Marketing da GreenClick, empresa que contribui com a neutralização da emissão de CO2 no país.

Fonte: R7

Postado por: Solixx | www.solixx.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *